Clínica Médica

Card Set Information

Author:
Roney1000
ID:
299338
Filename:
Clínica Médica
Updated:
2015-03-27 23:41:42
Tags:
Hanseníase
Folders:

Description:
Hanseníase
Show Answers:

Home > Flashcards > Print Preview

The flashcards below were created by user Roney1000 on FreezingBlue Flashcards. What would you like to do?


  1. V ou F: a hanseníase é uma doença de notificação compulsória.
    V
  2. V ou F: Mycobacterium leprae é uma parasita intracelular obrigatório: a resposta imune humoral que combate o parasita
    F. Resposta imune celular.
  3. Como se dá a transmissão na hanseníase?
    Geralmente pelos contactantes, através de doentes multibacilíferos e hansenomas ulcerados.
  4. V ou F: a hanseníase é uma doença de alta infectividade e baixa patogenicidade.
    V
  5. V ou F: a resistência ou a susceptibilidade ao bacilo tem influencia genética.
    V
  6. V ou F: Resposta imunecelular deficiente: baciloscopia + e Mitsuda -; Boa resposta imunecelular: baciloscopia - e Mitsuda +.
    V
  7. Descreva a sequência de infecção pelo bacilo de hansen.
    Entrada do bacilo pelas vias aéreas → invasão de gânglios linfáticos → êmbolos de micobactérias → pele, nervos periféricos e outros locais → deflagração dos sintomas da doença.
  8. V ou F: A primeira sensibilidade que é perdida é a tátil, seguida pela dolorosa e térmica.
    F. A primeira sensibilidade que é perdida é a térmica, seguida pela dolorosa e tátil.
  9. Na hanseníase tuberculoide, o mitsuda é + e há perda de sensibilidade local (térmica, dolorosa e as vezes tátil): comprometimento nervoso é mais intenso.
    V
  10. Cite 6 características da hanseníase virchowiana.
    • 1. Mitsuda negativo
    • 2. Lesões simétricas, numerosas
    • 3. Madarose
    • 4. Face leonina
    • 5. Anestesia em luva ou bota
    • 6. Garra ulnar
  11. Como se faz o diagnóstico de hanseníase?
    A anamnese é pouco elucidativa

    Inspeção cuidadosa de todo o tegumento

    Pesquisa da sensibilidade

    Palpação dos principais troncos nervosos periféricos

    Teste da força muscular

    Baciloscopia

    Histopatológico

    Mitsuda
  12. Quais as paralisias e incpacidade que o paciente com hanseníase pode apresentar?
    Garra ulnar e amiotrofia (atrofia dos músculos interossos)

    Garra cúbito-mediana e amiotrofia

    Garra dos pododáctilos - “dedos em martelo”: paralisias do n. tibial posterior

    Mal perfurante plantar – paciente perde sensibilidade na planta dos pés

    Lagoftalmo: acometimento do nervo facial com paralisa do músculo orbicular
  13. Qual o tratamento para o doente paucibacilar e multibacilar?
    Paucibacilar: rifampicina e dapsona, por 6 meses

    Multibacilar: rifampicina, dapsona e clofazimina por 12 meses
  14. V ou F: a reação reversa é do tipo IV, acontece em pacientes que apresenta, alguma resposta imunocelular (tuberculoide e domorfo) e apresenta a neurite como manifestação mais importante. O tratamento é com prednisona.
    V
  15. V ou F: O eritema nodo hansênico ocorre em pacientes multibacilares. É uma resposta tipo III e que pode apresentar manifestações sistêmicas extra cutâneas. O tratamento é com talidomia, AINEs, prednisona e pentoxifilina.
    V
  16. Como deve ser o seguimento dos comunicantes de pacientes com hanseníase?
    BCG duas doses em comunicante sem cicatriz e uma dose em comunicante com cicatriz.
  17. Como é a ação da BCG na profilaxia da hanseníase?
     Indução pela vacina de um maior capacidade de produçãode citocinas da via TH1, tais como: IL-2, IFN-γ, TNF-α;

     Essas citocinas estimularão maior produção de óxido nítrico, o que levará a destruição bacilar;

     Assim, indivíduos que adoecerem serão portadores da forma PB;

     Reduz a incidência de formas MB, interrompendo a cadeia de transmissão da doença.
  18. V ou F: Comunicantes de doentes paucibacilares devem ser submetidos a um único exame dermatoneurológico, assim como comunicantes de doentes multibacilares.
    F. Comunicantes de doentes paucibacilares: devem ser submetidos a um único exame dermatoneurológico.

    Comunicantes de doentes multibacilares: exames clínicos anuais durante 5 anos.

What would you like to do?

Home > Flashcards > Print Preview