Cirurgia

Card Set Information

Author:
Roney1000
ID:
299381
Filename:
Cirurgia
Updated:
2015-03-28 18:10:40
Tags:
DoençasArteriais
Folders:

Description:
Doenças Arteriais
Show Answers:

Home > Flashcards > Print Preview

The flashcards below were created by user Roney1000 on FreezingBlue Flashcards. What would you like to do?


  1. O que é aneurisma?
    Aumento em mais de 50% em relação ao valor normal.
  2. O que é arteriomegalia?
    Aumento em mais de 50% da artéria inteira e não apenas do aneurisma.
  3. O que é um pseudoaneurisma?
    • Falso aneurisma”, “buraco” na artéria de onde o sangue sai, bate em alguma coisa e
    • coagula, porém continua pulsando.
    • Quando houver trauma, eu penso em pseudoaneurisma.
  4. Os aneurismas podem ser saculares e fusiformes.
    V
  5. O que são aneurismas micóticos?
    Aneurisma causado por qualquer microorganismo (em geral bactéria).
  6. O que é dissecção?
    É uma delaminação da parede arterial
  7. Qual o grande problema dos aneurismas, já que eles são assintomáticos?
    São as complicações.
  8. V ou F: aneurisma de aorta quando rompe para trás no retroperitônio da tempo de operar, quando rompe para frente no peritônio
    livre é óbito.
    V
  9. Qual o tratamento para aneurismas?
    • Tratamento
    • clinico, conservador ou expectante.

    • Tratamento cirúrgico convencional x endovascular.  O tratamento convencional é a
    • retirada do aneurisma através de uma prótese. O tratamento endovascular é
    • entrada pela virilha; se for sacular emboliza e se for fusiforme coloca um stent.
  10. Qual o exame mais utilizado para avaliar aneurisma?
    Arteriografia.
  11. Qual o melhor exame para avaliar aneurisma no abdomen e tórax?
    TC

    • O uso se justifica
    • pois se o aneurisma estiver trombosado não da para vê-lo no arteriografia pois a arteriografia é uma luminografia (vê a luz).
  12. Quais os ddal para um Raiox com alargamento de mediastino?
    Dissecção

    IAM
  13. Qual a conduta com dor torácica?
    ECG

    Enzimas

    RaioX de tórax

    Em seguida, pede TC de tórax

    OBS: tem que medir a PA nos dois braços!
  14. Qual o tipo de dissecção aórtica mais difícil de tratar?
    O tipo A, pois irriga tronco braquiocefálico, carótida comum e subclávia esquerda.
  15. Quais os fatores de risco para aterosclerose?
    Idade e sexo

    Hiperlipidemia

    Tabagismo

    Hipertensão arterial

    Diabetes melito

    Hiperomicisteinemia

    Fibrinogênio: fibrinogênio aumentado

    Fatores genéticos (historia familiar)
  16. Quais sçao os fatores protetores da aterosclerose?
    HDL

    Atividade física regular
  17. No jovem, a isquemia pode ser mais grave do que no idoso. Por que?
    Em gente jovem não há muita circulação colateral, em idosos há mais. Quanto mais circulação colateral, melhor.
  18. Qual a sequência correta das artérias?
    • Aorta - ilíacas - poplíteas - tibial anterior, tibial
    • posterior, fibular
  19. Qual a evolução da insuficiência arterial crônica?
    • Evolução: Claudicação
    • intermitente arterial - dor em repouso - necrose isquêmica (gangrena)
  20. Explique a claudicação.
    Dor quando anda.

    • Quando há exigência de mais oxigênio ao andar,há isquemia ativa fermentação
    • lática e causa dor e o paciente para de andar devido a dor causada pelo acido
    • lático.
  21. Explique a SÍNDROME DE LÉRICHE.
    • -
    • Claudicação de nadega e coxa

    • -
    • Impotencia sexual

    • -
    • Ausencia de pulsos femorais

    • -
    • Hipotrofia muscular MMII

    • -
    • Diminuição da pilificação dos MMII
  22. Como confirmar o diagnóstico de insuficiência arterial crônica.
    Ecocolor Doppler

    Arteriografia (padrão ouro)

    Angio TC e angio RNM
  23. Qual o tratamento para a insuficiência arterial crônica?
    • -
    • Tratamento clinico com anti agregantes, hemoreologicos, vasodilatadores e
    • controle dos fatores de risco (mais importante)

    • -
    • Tratamento cirúrgico com endarterectomia ou ponte (aorta, ilíaca, carótida e as
    • vezes femoral)

    • -
    • Tratamento endovascular com angioplastia com stent
  24. O que é mais importante para avaliar um paciente com suspeita de insuficiência arterial aguda?
    Procurar a fonte emboligênica.

    Fibrilação atrial, placa aórtica ulcerada, embolia paradoxal (CIA e CIV), endocardite.
  25. Qual o tratamento da insuficiência arterial aguda.
    - Tromboembolectomia com cateter de Fogart

    - Ponte (geralmente em crônica agudizada)

What would you like to do?

Home > Flashcards > Print Preview